top of page

Ação incentiva a Reciclagem de Plástico em Porto Alegre

A Braskem está incentivando a comunidade a reciclar plástico na unidade ACM Vila Restinga Olímpica, localizada no bairro Restinga, zona Sul de Porto Alegre. O evento em questão é a segunda edição do Plastitroque, no qual materiais plásticos coletados são trocados por kits de alimentos e cestas básicas. Somente nos primeiros dois dias, a ação já havia arrecadado mais de meia tonelada de resíduos.


Imagem: Canva

No pátio da instituição, filas se formaram hoje para a entrega dos plásticos. Daniele Perez da Silva, uma catadora dedicada ao ofício no bairro há oito anos, já havia levado 58 quilos no primeiro dia e mais 18 quilos no segundo dia. Ela estava acompanhada de dois de seus três filhos, Arthur, 14 anos, e Miguel, 10, além de um carrinho cheio de garrafas e embalagens plásticas. "Precisei fazer seis viagens", contou ela, brincando ao afirmar que sua rua é uma das mais limpas da região.


Jeferson Conceição, membro da equipe de Relações Institucionais da Braskem, destacou que incentivar a coleta sustentável e a educação ambiental é um dos principais papéis da empresa. “Apoiamos diversos programas do gênero e acreditamos que isto precisa acontecer cada vez mais em todas as esferas. O participante também entende que este material recolhido está indo para uma cooperativa de recicladores, e não foi descartado incorretamente, gerando também renda para eles próprios”, afirmou ele.


A coordenadora técnica da Vila Restinga Olímpica, Roberta Gomes Motta, ressaltou que a parceria com a Braskem é muito benéfica, e a comunidade realmente se envolve na causa. O local atende mais de 600 crianças de manhã e à tarde, sempre no turno inverso à escola, e ainda oferece espaços de formação profissional. “Esta é a principal forma de incentivar, começar desde os pequenos, porque neles serão plantadas as sementinhas que gerarão frutos para suas famílias e suas comunidades”, destacou.


A troca dos plásticos não é direta, mas sim mediada por "moedas" criadas pelo projeto, chamadas de Plasticoins. Cada dois quilos de plástico valem um Plasticoin, que, por sua vez, pode ser trocado por um kit escolar. Já duas unidades da moeda, ou seja, quatro quilos de recicláveis, valem um kit de alimentação. O material recebido é pesado na hora e trocado pelo número de moedas correspondente. Ao todo, foram disponibilizados 480 kits de alimentos e 120 de materiais escolares, e o material recolhido é integralmente encaminhado à Cooperativa de Reciclagem da Restinga (Coopertinga).


Eco-friendly


A Pampack desempenha um papel ativo no apoio a ações de reciclagem, estabelecendo um compromisso que aborda não apenas o descarte correto de suas embalagens recicláveis e biodegradáveis, mas também promove a reutilização consciente.


Além disso, apoiamos programas de educação ambiental, reconhecendo a importância de conscientizar a comunidade sobre práticas sustentáveis. Ao unir o descarte responsável, a reutilização, a educação ambiental e a ação social, a Pampack demonstra seu propósito de promover ações sustentáveis, contribuindo positivamente para um futuro mais verde e consciente.



Fonte: Assessoria Pampack com informações de Correio do Povo

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page